FacebookPixel
Notícias
O que deve saber sobre o mercado imobiliário
Notícias
Voltar \ As tabelas de IRS para 2021 e o seu impacto nos salários e pensões

As tabelas de IRS para 2021 e o seu impacto nos salários e pensões

28 jan 2021
As tabelas de IRS para 2021 e o seu impacto nos salários e pensões
As tabelas de IRS já foram publicadas para 2021, sendo que uma das maiores novidades é o valor a partir do qual os salários e pensões devem descontar para o IRS. Porém, esta não é a única mudança que acontecerá relativamente ao IRS e é sobre isso que nos debruçamos.

As novas tabelas de retenção do IRS, presentes neste link https://dre.pt/application/conteudo/150233207, permitem prever a quantia que os contribuintes terão que adiantar ao Estado de IRS todos os meses ao longo deste ano, baseado no seu agregado familiar e os seus rendimentos.


No caso específico das pensões, as tabelas de retenção foram atualizadas nos escalões mais baixos, com redução das taxas aplicáveis para as reformas de valor mensal até 765 euros, permitindo assim salvaguardar o rendimento líquido dos pensionistas que terão direito ao aumento extraordinário de 10 euros.

Ainda relativamente a reformados, aqueles que receberem pensões até 705 euros passarão a descontar 2,5% (contra 2,6% atualmente) e até 765 euros descontarão 4,0% (atualmente descontam 4,3%).

Por fim, relativamente aos salários, e sendo uma das maiores novidades deste ano, o valor a partir do qual os salários e pensões devem descontar para o IRS passou para 686€ mensais, representando assim um aumento de 27€ em relação ao limite do ano passado.

 
Veja Também